para fazer estudos afim de estruturar um projeto de concessão à iniciativa privada de 272 quilômetros de estradas estaduais, informou a instituição de fomento.

O governo de Pernambuco contratou o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para fazer estudos afim de estruturar um projeto de concessão à iniciativa privada de 272 quilômetros de estradas estaduais, informou a instituição de fomento. Assim, o BNDES e o governo estadual assinaram o contrato na última sexta-feira, 24.

LEIA MAIS: Acompanhe o impacto da pandemia de coronavírus no transporte rodoviário de cargas e passageiros

O projeto inclui trechos de quatro rodovias (PE-045, PE-050, PE-060 e PE-090), que passam por 30 municípios pernambucanos. Segundo estudos preliminares do governo estadual existe  a necessidade de investimentos de R$ 850 milhões ao longo do prazo de concessão nos trechos.

Ainda mais, fique por dentro das notícias através das nossas redes sociais: Instagram e Twitter 

“A expectativa é que o processo possa facilitar o escoamento de cargas de importantes polos logísticos e industriais na região metropolitana de Recife e no interior. Como é o caso do complexo de Suape e do polo industrial de Vitória de Santo Antão. Além disso, fortalecer o turismo no litoral sul, gerando emprego e renda; e estimular o desenvolvimento de cidades do agreste pernambucano que têm se destacado nacionalmente na produção de roupas, como Toritama”, diz a nota divulgada pela BNDES.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here