O Deutsche Post DHL Group está implementando uma certificação global, o DHL Green Carrier Certification, para recompensar os subcontratados de transporte

O Deutsche Post DHL Group está implementando uma certificação global, o DHL Green Carrier Certification, para recompensar os subcontratados de transporte rodoviário por seus esforços para se tornarem mais sustentáveis. Assim, como parte de seu plano de sustentabilidade, o Grupo DHL visa reduzir as emissões de gases de efeito estufa para menos de 29 milhões de toneladas até 2030 e ser zero carbono até 2050.

“A descarbonização de rotas comerciais e cadeias de suprimentos é um esforço conjunto e deve ser baseada na transparência e na colaboração. Com a certificação sustentável da DHL, implementamos critérios uniformes e transparentes quando se trata de cooperar com nossas transportadoras terrestres daqui para frente. Essa abordagem nos coloca mais um passo em direção ao nosso objetivo ambicioso de um transporte verdadeiramente neutro para o clima”, conta Andreas Mündel, vice-presidente sênior de Estratégia e Programas de Operação do Deutsche Post DHL Group.

A visibilidade das emissões das transportadoras é um dos maiores desafios e a chave para o cumprimento de metas, baseadas em critérios científicos. Para fornecer isso, as divisões Express, Freight e Supply Chain da DHL desenvolveram em conjunto um programa padronizado para acessar o desempenho verde e premiar os vários parceiros que fornecem serviços de transporte terrestre para as divisões. A solução permite que a DHL gerencie relacionamentos e reduza emissões de forma eficaz: o programa de certificação de transportadora verde ajuda a identificar subcontratados que já estão contribuindo para a logística sustentável, enquanto incentiva ainda mais investimentos em tecnologias que reduzem a emissão de CO2 da companhia, de suas transportadoras e de seus clientes.

Ainda mais, fique por dentro das notícias através das nossas redes sociais: Instagram e Twitter 

Além disso, as transportadoras devem ter uma estratégia ambiental ou de sustentabilidade em vigor, medir sua emissão de gases estufa e ser transparente com seus dados. Além de tecnologias básicas, como pneus de baixa resistência ao rolamento, melhorias aerodinâmicas e corte de marcha lenta, as principais transportadoras também trabalham com tecnologias avançadas, como combustíveis sustentáveis e motores alternativos.

Compartilhe nas redes sociais

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here