A Superintendência do Desenvolvimento da Amazônia (Sudam) adquiriu 15 unidades do Iveco Tector 170E28 para atender a coleta de lixo de municípios em Roraima. O investimento foi feito com verba parlamentar, em um convênio com o Ministério da Integração.

Os principais fatores que fizeram o órgão escolhesse o Tector, segundo Osmar Hirashiki, foram a robustez e a confiabilidade do caminhão, que pode ser implementado para diversas operações. “Seja qual for o negócio, certamente, a montadora tem o caminhão adequado. O Tector é o semipesado mais moderno do mercado latino-americano”.

Os modelos utilizam os motores NEF, da FPT Industrial, com 4 ou 6 cilindros e potências máximas que vão de 210 até 300 cv, que atendem às normas de emissões Proconve P7 (equivalentes à Euro V) e se caracterizam pelo reduzido consumo de combustível, aliado ao ótimo desempenho.

Para Renato Perrota, gerente de vendas ao governo da Iveco, a marca desenvolveu um produto sob medida, que atendeu aos anseios do cliente e confirmou a Iveco, mais uma vez, como vencedora de uma importante licitação pública.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here