Voltou a ser cobrado, nesta terça dia 1, o ICMS em frete de cargas estaduais. O segmento era isento do tributo desde 1997. No início do ano, o imposto

Voltou a ser cobrado, nesta terça dia 1, o ICMS em frete de cargas estaduais. O segmento era isento do tributo desde 1997. No início do ano, o imposto chegou a voltar. No entanto, a cobrança havia sido suspensa em março.

De acordo com o Setcergs, sindicato que representa as empresas de transporte no Rio Grande do Sul, a renovação da isenção não foi aprovada pelo Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz). Portanto, a cobrança atinge os chamados “CIF”, quando o embarcador a carga situado no Rio Grande do Sul que paga o frete.

Leia também: SP dará desconto gradual de ICMS para montadoras

Para o diretor do sindicato, Diego Tomasi, é possível projetar um impacto no frete de aproximadamente 12%. Segundo ele, é essa a alíquota do ICMS que passa a incidir sobre os valores. Não há tabelamento de preços. Entretanto, é a sugestão de repasse para os clientes.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here