De acordo com a CNI (Confederação Nacional da Indústria), o recente aumento do frete divulgado pela ANTT pode afetar o preço dos produtos

A nova tabela de Pisos Mínimos divulgada na última terça-feira, 23, gerou uma alta nos fretes de 4,12% na média geral. As correções foram apresentadas pela ANTT após a Petrobras publicar em seu site os preços divulgados pela estatal, à vista, nos 37 pontos de suprimento do mercado brasileiro.

Relembre: Petrobras altera divulgação do preço de combustíveis

O segmento de transporte de carga geral foi o que sofreu o maior impacto com o reajuste. Dessa forma, o valor do frete passou de R$2,15 para R$2,19 no percurso de até 100 km. Entretanto, pode atingir a máxima de 5,56% de aumento a partir de 2.501 km.

Por outro lado, as operações de carga neogranel, na primeira faixa até 100 Km, sofreram a menor alteração em relação as demais categorias. O valor passou de R$1,92 para R$1,95, resultando um aumento de 1,56%.

Fonte: Setcesp

As alterações passam a vigorar a partir da data de publicação da mesma em Diário Oficial.

Confira aqui a resolução completa.

Compartilhe nas redes sociais

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here