Programa emprestará recursos para obras em rodovias e ferrovias

Programa emprestará recursos para obras em rodovias e ferrovias

O Programa de Sustentação do Investimento (PSI) financiará projetos de infraestrutura de logística, como rodovias e ferrovias, informou o Ministério da Fazenda, por meio de comunicado. O ministério publicará a alteração no PSI 2013 por medida provisória no Diário Oficial da União, mas não informou quando.

Segundo a nota, a mudança permitirá que o PSI viabilize a requisição de projetos no âmbito do Programa de Investimentos em Logística: Rodovias e Ferrovias. Atualmente, o PSI empresta recursos para aquisição de bens de capital, como caminhões, ônibus e máquinas agrícolas, e estimula projetos de inovação.

A taxa para projetos de infraestrutura seguirá a mesma dos financiamentos de bens de capital, com juros de 3% ao ano nas operações contratadas no primeiro semestre e de 3,5% ao ano no segundo semestre. O prazo de financiamento é de até 20 anos com carência de até 36 meses.

“Esta é mais uma medida de apoio aos investimentos, que são fundamentais para sustentar um crescimento econômico robusto e sustentável no longo prazo. A iniciativa reforça nosso cenário de crescimento dos investimentos em 2013, liderando a expansão da economia brasileira”, avaliou o ministro da Fazenda, Guido Mantega, em nota.

Os recursos para essa nova modalidade de financiamento do PSI serão originários da parcela de R$ 15 bilhões de recursos próprios do sistema bancário, decorrentes da liberação de depósitos compulsórios sobre depósitos à vista. O recurso total do PSI 2013 continua previsto em R$ 100 bilhões.

Automotive Business

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here