Presidente sanciona lei que permite venda direta de etanol

De acordo com o governo, a medida pretende garantir maior competitividade no setor de combustíveis

A Medida Provisória (MP) 1.100/2022, que aprimora a venda direta do etanol, foi publicada nesta terça (15) no Diário Oficial da União (DOU)

O presidente da república sanciona lei que autoriza os postos de combustíveis a comprarem etanol hidratado diretamente dos produtores ou importadores. Desse modo, permitindo que eles não sejam obrigados a passar pela intermediação de distribuidoras. A Lei nº 14.292 foi publicada Diário Oficial da União (DOU) desta terça (4) e já está em vigor.

LEIA MAIS: Acompanhe o impacto da pandemia de coronavírus no transporte rodoviário de cargas e passageiros

A legislação também permite a revenda varejista de gasolina e etanol hidratado fora do estabelecimento autorizado, desde que limitada ao território municipal onde o revendedor está estabelecido.

O novo texto afirma mudanças nas regras tributárias federais, que já haviam sido alteradas pela Medida Provisória nº 1.063. Ele também desobriga que as empresas ou consórcios comprovem que estão em situação regular perante as fazendas federal, estadual e municipal e à Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) para obter, da própria agência, autorização para atuar no setor de biocombustíveis.

Ainda mais, fique por dentro das notícias através das nossas redes sociais: Instagram e Twitter 

Segundo o Governo Federal, a iniciativa pretende aumentar a competição no setor de combustíveis. Assim, eliminando a obrigatoriedade dos postos de comprarem álcool combustível apenas dos distribuidores.

Fonte: Agência Brasil

Compartilhe nas redes sociais

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, entre com seu comentário
Por favor, entre com seu Nome aqui!