O Senado deve discutir a partir de fevereiro uma solução para conter a disparada nos preços dos combustíveis. De acordo com presidente do Senado

O preço médio da gasolina está 12% mais caro para os consumidores nos primeiros dias de outubro, aponta o Índice de Preços Ticket Log (IPTL). Essa comparação é com relação a última baixa registrada em abril, quando o valor era R$ 5,699.

Ainda mais, fique por dentro das notícias através das nossas redes sociais: Instagram e Twitter 

A maior alta do país foi registrada na região Centro-Oeste após incremento de 2,32% com relação ao fechamento de setembro, sendo assim, comercializada no valor médio de R$ 6,521.

O menor preço médio do combustível foi registrado no Sul que mesmo com o avanço de 1,70%, foi vendido pelo preços médio de R$ 6,175. Já o maior aumento ocorreu no Distrito Federal a 3,60%. Em nenhum estado houve queda no preço dos combustíveis no início de outubro.

LEIA MAIS: Acompanhe o impacto da pandemia de coronavírus no transporte rodoviário de cargas e passageiros

O IPTL é realizado com base nos abastecimentos realizados em mais de 21 mil postos credenciados da Ticket Log. Além disso, possui um milhão de veículos administrados pela marca com média de oito transações por segundo.

Compartilhe nas redes sociais

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here