É o que prevê o estudo baseado no Plano Nacional de Logística Portuária

O Plano Mestre é um estudo realizado de quatro em quatro anos, utilizando como referência o Plano Nacional de Logística Portuária, propondo ações e melhorias de investimentos. A prévia do plano teve sua apresentação na última quinta-feira (22), no Sindicato dos Despachantes Aduaneiros, em Santos.

Com uma previsão de movimentação estimada em 178 milhões de toneladas, chegando a um percentual de quase 38% em 2029, o Plano traz avaliações que levam em conta o setor operacional, infraestrutura de acessos, gestão da Autoridade Portuária e as relações com o meio ambiente.

A versão prévia do Plano será divulgada no site da Secretaria Nacional de Portos, para ampliar as contribuições, validar as sugestões através Autoridade Portuária e Secretaria Nacional de Portos e, então, elaborar a versão final.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here