Porto de Imbituba alcança recorde histórico de operação mensal e fecha maio com 681,9 mil toneladas de cargas movimentadas ao longo do mês.

Porto de Imbituba alcança recorde histórico de operação mensal e fecha maio com 681,9 mil toneladas de cargas movimentadas ao longo do mês. Esse número representa uma alta de 56,7% com relação ao mesmo mês do ano passado. A maior marca do porto, até então, era de 662,5 toneladas movimentadas em dezembro de 2020. A informação foi divulgada pelo porto nesta quarta (9).

LEIA MAIS: Acompanhe o impacto da pandemia de coronavírus no transporte rodoviário de cargas e passageiros

Esse desempenho acompanhou a alta da movimentação de coque (818,9%), soja (72,2%), celulose (54,2%), contêiner (52,9%), hulha betuminosa (41,9%) e ureia (36,9%). Todos esses números comparados à maio de 2020. Além disso, as principais cargas foram coque (222,2 mil t), a soja (167,6 mil t) e os contêineres (93,7 mil t), que juntos representaram mais de 70% das operações no Porto.

Ainda mais, fique por dentro das notícias através das nossas redes sociais: Instagram e Twitter 

Ao todo, 24 navios foram atendidos em maio e o período também ficou marcado pelo retorno da operação de materiais siderúrgicos.

“O aquecimento do mercado e a capacidade de atendimento do Porto foram preponderantes nesse resultado conquistado pela Comunidade Portuária de Imbituba, que visa um crescimento sustentável, capaz de atender a cadeia de suprimentos, firmar e diversificar o portfólio de cargas e gerar emprego e renda para a sociedade”, avalia Fábio Riera, diretor-presidente da Autoridade Portuária. No acumulado dos cinco primeiros meses do ano, houve crescimento de 22,8% na movimentação, em comparação com igual período de 2020.

Fonte: Portos e Navios

Compartilhe nas redes sociais

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here