pedágio administradas pela concessionária Eco135, em Minas Gerais. De acordo com a empresa, as tarifas – majoradas em 4.01% – serão cobradas nas cinco praças da BR-135,

A partir do dia 1º de setembro, entra em vigor os novos valores das seis praças de pedágio administradas pela concessionária Eco135, em Minas Gerais. De acordo com a empresa, as tarifas – majoradas em 4.01% – serão cobradas nas cinco praças da BR-135, entre Montes Claros e Curvelo, e na da LMG-754, próxima a Cordisburgo, região centro-norte do Estado. Dessa forma, o preço passará dos atuais R$ 7,20 para R$ 7,50 para veículos de passeio. Além disso, caminhões e ônibus pagarão R$ 7,50 por eixo, e as motocicletas R$ 3,75.

LEIA MAIS: Acompanhe o impacto da pandemia de coronavírus no transporte rodoviário de cargas e passageiros

Em abril deste ano, o reajuste do trecho foi adiado por 90 dias, em comum acordo com a concessionária Eco135, em função da pandemia da COVID-19. Em julho, uma nova postergação de 60 dias foi adotada.

De acordo com contrato de concessão assinado junto à Secretaria de Estado de Infraestrutura e Mobilidade (Seinfra), o reajuste deveria ocorrer sempre em 1º  de abril , aplicando a correção do IPCA acumulado do período. No entanto, o valor praticado atualmente não era reajustado desde abril de 2019. A concessão deste trecho teve início em julho de 2018 e este será o primeiro reajuste da tarifa.

Ainda mais, fique por dentro das notícias através das nossas redes sociais: Instagram e Twitter 

O aumento tem por intuito a correção monetária dos valores da tarifa e leva em consideração a variação do Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here