O transporte de passageiros do Distrito Federal tem acusado o efeito coronavírus de forma evidente. De acordo com a Taguatur, empresa que possui frota de 340 coletivos,

O transporte público do Distrito Federal tem acusado o efeito coronavírus de forma evidente. De acordo com a Taguatur, empresa que possui frota de 340 coletivos, o número de passageiros caiu 60%. A viação faz linhas da capital do país para Águas Lindas (GO), Santo Antônio do Descoberto (GO) e Novo Gama (GO).

Ainda mais, fique por dentro das notícias através das nossas redes sociais: Instagram e Twitter 

A UTB também calcula amargar queda de 50% de pessoas fazendo viagens em sua frota. Assim, tendo a receita da empresa impactada diretamente. Ela também dispõe de 340 ônibus e opera do DF para Águas Lindas, Cidade Ocidental, Valparaíso, Monte Alta, Padre Bernardo, Niquelândia, Alto Horizonte e Uruaçu.

Determinação de Goiás

Por determinação do governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), as concessionárias estão proibidas de transportar passageiros entre regiões atingidas pela Covid-19 e Goiás, o que inclui Brasília.

Isso fez com que a Expresso Planaltina suspendesse as viagens entre o DF e o Entorno, nesta segunda-feira (23/03). Segundo funcionários da empresa de ônibus, a medida é por tempo indeterminado e afeta 82 linhas.

LEIA MAIS: Acompanhe o impacto da pandemia de coronavírus no transporte rodoviário de cargas e passageiros

No entanto, em nota, a Agência Nacional de Transporte Terrestre (ANTT) ressaltou que “a competência para suspender a operação de transporte rodoviário de passageiros, interestadual e internacional é exclusivamente da ANTT. Por ora, o transporte interestadual de passageiros continua em operação”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here