O Mercado Livre divulgou seus resultados financeiros do quarto trimestre de 2020, finalizado em 31 de dezembro. Dessa forma, a companhia comemora
O Mercado Livre anunciou a abertura de cinco novos centros logísticos no Brasil. Assim, a empresa terá novas três unidades em São Paulo (duas em Cajamar e uma em Guarulhos), uma em Governador Celso Ramos (Santa Catarina) e uma em Extrema (Minas Gerais).
Ainda mais, fique por dentro das notícias através das nossas redes sociais: Instagram e Twitter 
Com isso, Quatro, dos cinco centros, servirão à modalidade de Fulfillment, quando o estoque dos vendedores é totalmente gerenciado pelo Mercado Livre. Ou seja, desde o armazenamento até a entrega ao cliente. Além disso, um centro será na modalidade de cross-docking, entreposto em que o Mercado Livre coleta encomendas, preparadas pelos próprios vendedores, e entrega aos compradores.

As novas operações, cujas atividades estão previstas para iniciarem entre novembro de 2020 e o início de 2021, irão agregar 340 mil m² à malha logística 100% gerenciada pelo Mercado Envios, braço logístico do Mercado Livre. Assim, duplicando a capacidade de armazenamento e de processamento de encomendas.
Esses novos centros logísticos fazem parte do plano de expansão das entregas em até dois dias para todo o país. Atualmente, a malha logística do Mercado Livre realiza entregas em até dois dias, a partir da modalidade de Fulfillment, em 1800 cidades brasileiras onde vive 80% da população do país.

Compartilhe nas redes sociais

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here