O setor de serviços cresceu 3,7%, na comparação com janeiro. Com isso, superando o nível em que se encontrava antes da pandemia de Covid-19,

Pelo segundo mês consecutivo, o setor de transporte teve saldo positivo na abertura de postos formais de trabalho. Em outubro, foram criadas 8.606 vagas com carteira assinada no setor, indicando uma tendência de recuperação. Assim, o resultado positivo foi registrado após uma série de números negativos, de março a agosto.

Ainda mais, fique por dentro das notícias através das nossas redes sociais: Instagram e Twitter 

Dessa forma, o acumulado de janeiro até outubro de 2020 soma uma perda de 51,9 mil empregos no setor de transporte. Considerado todo o mercado de trabalho, esse saldo negativo é de 171.139.

Acesse aqui o Economia em Foco

Com os resultados de outubro, o setor de transporte encerrou o mês com um estoque de 1,73 milhão de postos de trabalho formais. Portanto, número 2,9% menor que o verificado em dezembro de 2019. No entanto, superior aos registrados nos fechamentos de 2018 e 2017.

LEIA MAIS: Acompanhe o impacto da pandemia de coronavírus no transporte rodoviário de cargas e passageiros

De acordo com o presidente da CNT, Vander Costa, o setor de transporte, após meses de uma grave retração, já está em um processo de recuperação das atividades e dos postos de trabalho perdidos em 2020. “Os números do Caged refletem o esforço da atividade transportadora para retomar as atividades e as contratações, contribuindo para a recuperação econômica do país. Estamos confiantes de que, mantendo essa tendência, conseguiremos reverter os prejuízos causados pela crise.”

Compartilhe nas redes sociais

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here