Índice ABCR apresenta estabilidade em dezembro

Na comparação com novembro, o número total seguiu estável, porém apresentou um aumento de 2,8% no fluxo de pesados

O índice ABCR referente a abril de 2022 apresentou queda de 0,2% no comparativo com março, considerando os dados dessazonalizados

O índice da Associação Brasileira de Concessionárias de Rodovias (ABCR) registra estabilidade em dezembro, comparando a novembro. O relatório mede o fluxo pedagiado de veículos nas rodovias e é realizado pela ABCR com a Tendências Consultoria Integrada.

Quando comparado a dezembro de 2020, houve um aumento de 4,4% no índice total. O fluxo de veículos leves avançou 5,3% e os pesados 1,7%.

Ainda mais, fique por dentro das notícias através das nossas redes sociais: Instagram e Twitter 

Nos últimos 12 meses, o índice acumula aumento de 8,1% como resultado da elevação de 6,8% dos veículos pesados e de 8,6% dos veículos leves.

“O fluxo de pesados exibiu menor taxa de crescimento, moderado tanto pelas menores perdas durante o auge da pandemia em 2020, como pelas limitações relacionadas ao desempenho do setor industrial neste ano, incluindo escassez de insumos e altos custos de produção”, conclui Andressa Guerrero, analista da Tendências Consultoria.

LEIA MAIS: Acompanhe o impacto da pandemia de coronavírus no transporte rodoviário de cargas e passageiros

Para 2022, a analista avalia que os maiores desafios estão ligados aos entraves econômicos e sanitários. “Quanto ao primeiro, a inflação persistentemente pressionada restringe o orçamento e as decisões de compras das famílias. Em relação ao segundo, apesar do avanço da vacinação em massa, o surgimento de novas variantes e o aumento de casos de Covid-19, recrudescem as preocupações quanto ao sucesso da gestão da disseminação do vírus neste ano”.

 

Compartilhe nas redes sociais

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, entre com seu comentário
Por favor, entre com seu Nome aqui!