Guerra fabricará seu primeiro implemento rodoviário, após quatro anos fora de atuação, em setembro na fábrica de Caxias do Sul (RS).
Fábrica Guerra em Caxias do Sul (RS)

Guerra fabricará seu primeiro implemento rodoviário, após quatro anos fora de atuação, em setembro na fábrica de Caxias do Sul (RS). O modelo será um semirreboque graneleiro e ele marcará o retorno da empresa às atividades, mas desta vez operando em sintonia com a Rodofort.

A equipe responsável pela reativação da fábrica em Caxias do Sul (RS) conta, atualmente, com 30 pessoas e a previsão é de mais de 100 quando a produção iniciar. Desse modo, toda a força de trabalho está sendo selecionada na região por possuir mão de obra qualificada e especializada.

Ainda mais, fique por dentro das notícias através das nossas redes sociais: Instagram e Twitter 

Maquinário em bom estado

O trabalho da atual equipe tem sido checar o estado de funcionamento do maquinário, que ficou quatro anos parado. Além disso, verificar e limpar as demais instalações, como linha de produção, escritórios e jardins. “Tivemos a surpresa positiva ao constatar o bom estado em que se encontra o maquinário da Guerra” destacou Alves Pereira, diretor-geral da Rodofort. “A equipe de manutenção da empresa fez um ótimo trabalho”.

Linha de produção da fábrica Guerra, em Caxias do Sul.

LEIA MAIS: Acompanhe o impacto da pandemia de coronavírus no transporte rodoviário de cargas e passageiros

A aquisição da Guerra foi feita em março e adquirida em leilão por R$ 90 milhões. Os investimentos para o retorno das operações são de R$ 10 milhões, esse valor inclui manutenção, matéria prima, contratações e treinamento de pessoas.

A Guerra irá operar de forma complementar à Rodofort fabricando produtos da linha pesada, como basculante, tanque e graneleiro. Já a unidade da Rodofort, em Sumaré (SP), fabricará os modelos sider, baú, porta contêiner e florestal, também do seguimento pesados. A expectativa é de distribuir ao mercado interno, ainda em 2021, 2.350 unidades, sendo 250 produzidas pela Guerra e 2.100 pela Rodofort.

Compartilhe nas redes sociais

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here