Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) fez a proposta de aumentar o número de pedágios nas vias que ligam São Paulo e Rio de Janeiro

Durante as audiências públicas para discutir o futuro das estradas que ligam Rio e São Paulo, a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) fez a proposta de aumentar o número de pedágios nas vias. Seriam mais dois pedágios na Dutra e quatro na Rio-Santos. Além disso, a entidade também cogitou a concessão das rodovias BR-116 e BR-101 para mais de uma empresa. O atual contrato de concessão, assinado com a CCR Nova Dutra, vence em março do ano que vem.

A proposta apresentada pela ANTT prevê que o novo modelo de concessão abranja 598,5 km das duas rodovias. Uma terceira audiência pública está marcada para esta sexta-feira (17) em São Paulo. As duas primeiras ocorreram em Brasília e no Rio de Janeiro.

O próximo contrato de concessão terá validade de 30 anos. Os investimentos previstos são de 32,47 bilhões. Parte desses recursos serão aplicados na duplicação de 233,1 km e na construção de 337,2 km adicionais.

Além disso, são previstos ainda a instalação de 70 radares fixos, com sistema de leitura automática de placa. Entre os benefícios, devem ser implementados 955 postes para transmissão de sinal de wi-fi ao longo das rodovias.

Ainda mais, siga-nos no Instagram e fique informado sobre tudo que acontece no setor de transportes

Novos pedágios na Dutra e na Rio-Santos

De acordo com a proposta da ANTT, serão instalados mais dois pedágios na Dutra. O primeiro, na divisa dos Estados de São Paulo e Rio, terá tarifa de R$ 14,20. O outro será em Barra Mansa (RJ) e a tarifa será de R$ 7,70.

A BR-101 ganhará quatro praças de pedágio. Três serão no Rio de Janeiro, nos municípios de Itaguaí, Angra dos Reis e Paraty. Uma delas será construída em Ubatuba (SP). Em todas a tarifa deverá ser de R$ 5,90 (pista dupla).

Outra novidade prevista no edital é o desconto para usuários frequentes. Por meio desse sistema, os motoristas que utilizarem a via frequentemente pagarão valores mais baixos de pedágio.

Os porcentuais de descontos não foram revelados. Esse benefício será oferecido exclusivamente aos usuários de sistemas eletrônicos de pagamento de pedágio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here