LEIA MAIS: Acompanhe o impacto da pandemia de coronavírus no transporte rodoviário de cargas e passageiros

A antiga marca de caminhões FNM deve voltar a aparecer em modelos pesados. No entanto, de uma forma um pouco diferente de antigamente. Ao invés da Fábrica Nacional de Motores, FNM passa a significar Fábrica Nacional de Mobilidades e montará caminhões elétricos em Caxias do Sul (RS).

Ainda mais, fique por dentro das notícias através das nossas redes sociais: Instagram e Twitter 

Dessa forma, a nova empresa vai usar as instalações da Agrale. Além disso, os caminhões terão quase todos os componentes importados dos Estados Unidos. Por enquanto, foram anunciados dois modelos que darão início as produções.

Os FNM 832 e 833 têm foco em uso urbano e ainda não foram reveladas muitas especificações técnicas. Até o momento, sabe-se que as capacidades serão de 13 e 17 toneladas, respectivamente, e a autonomia na casa dos 130 quilômetros.

LEIA MAIS: Acompanhe o impacto da pandemia de coronavírus no transporte rodoviário de cargas e passageiros

A nova FNM diz ter contrato para fabricação de 7 mil unidades, todas para uma mesma empresa. Entretanto, o nome do comprador ainda é mantido em sigilo. Além disso, a montadora também pretende fazer ônibus elétricos.

Fonte: Quatro Rodas

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here