O governador João Doria afirmou na quarta, 8, logo após o pregão, que vai “seguir na mesma toada de fazer a concessão de todas as rodovias e aeroportos regionais

O governador João Doria afirmou na quarta, 8, logo após o pregão, que vai “seguir na mesma toada de fazer a concessão de todas as rodovias e aeroportos regionais” do Estado de São Paulo. O governo de São Paulo quer aproveitar o sucesso do leilão da rodovia Piracicaba-Panorama (PiPa) para emplacar outras concessões e usar recursos privados em projetos de infraestrutura.

Segundo Doria, o Estado não vai mais usar recursos do Tesouro para fazer investimentos, como a construção de novas linhas do Metrô. “(Esses e outros investimentos) serão todos feitos por concessão”, afirmou.

Ainda mais, siga-nos no Instagram e fique informado sobre tudo que acontece no setor de transportes

De acordo com o secretário estadual de Logística e Transportes de São Paulo, João Octaviano Machado Neto,o governo deve apresentar os lotes para a privatização de 21 aeroportos até o fim do primeiro semestre.

“Estamos buscando otimização de toda a rede. Vamos ter os 21 aeroportos. Podem ser 22 porque o de Guaratinguetá deve entrar nesse processo”, disse. Segundo ele, o governo estadual vem conversando com o federal sobre Guaratinguetá.

Além disso, o governador afirmou que a estimativa é de que o governo federal possa realizar a privatização dos Portos de Santos e São Sebastião ainda em 2020.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here