A Companhia Docas do Rio de Janeiro (CDRJ) movimentou 5,7 milhões de toneladas em julho deste ano. O resultado superou a média do primeiro semestre do ano.

A Companhia Docas do Rio de Janeiro (CDRJ) movimentou 5,7 milhões de toneladas em julho deste ano. O resultado superou a média do primeiro semestre do ano em 11,9% e foi 38,8% maior que a movimentação de julho de 2020. No acumulado do ano, o volume ultrapassou 29,9% do registrado no ano passado. A empresa administra os portos do Rio de Janeiro, Itaguaí, Niterói e Angra dos Reis.

Ainda mais, fique por dentro das notícias através das nossas redes sociais: Instagram e Twitter 

Esses dados foram registrados pela área de Planejamento de Negócios da autoridade portuária. Segundo o relatório, o Porto de Itaguaí movimentou 4,9 milhões de toneladas em julho de 2021 e isso representa alta de 42,2% com relação a julho do ano passado. Já o Porto do Rio de Janeiro movimentou 752 mil toneladas em julho, representando aumento de 18,8% em relação ao mesmo mês do ano passado.

LEIA MAIS: Acompanhe o impacto da pandemia de coronavírus no transporte rodoviário de cargas e passageiros

As principais cargas movimentadas, minério de ferro e carga conteinerizada, apresentaram crescimento em todos os meses de 2021 na comparação com 2020.

Segundo o diretor-presidente da Docas do Rio, Francisco Antonio de Magalhães Laranjeira, o desempenho da movimentação de cargas, especialmente nos Portos de Itaguaí e Rio de Janeiro, vem contribuindo para os sucessivos recordes de faturamento da companhia.

Fonte: Portos e Navios

Compartilhe nas redes sociais

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here