Após 8 dias de duração, chegou ao fim a greve dos funcionários da empresa TCCC (Transporte Coletivo Cidade Canção), em Maringá-PR

Motoristas do transporte coletivo de Maringá, no Paraná, entraram no terceiro dia de greve consecutivos hoje, 10. Com isso, nenhum ônibus havia deixado as garagens da Transporte Coletivo Cidade Canção (TCCC) até as 8hs dessa quarta.

LEIA MAIS: Acompanhe o impacto da pandemia de coronavírus no transporte rodoviário de cargas e passageiros

Vale ressaltar que, na tarde de segunda (08), primeiro dia de greve, a TCCC quitou os 50% restantes do salário dos motoristas, um dos principais fatos que motivou a paralisação. Entretanto, os trabalhadores decidiram continuar sem trabalhar.

Ontem no início da noite uma liminar da Justiça Trabalhista atendeu as empresas TCCC e Cidade Verde, e proibiu o Sindicato dos Condutores de Veículos Rodoviários de Maringá (Sinttromar) de impedir ou dificultar o acesso às garagens e ao terminal central de ônibus e pessoas.

Ainda mais, fique por dentro das notícias através das nossas redes sociais: Instagram e Twitter 

No entanto, o texto garante o direito de greve ao destacar que a proibição vale apenas para o impedimento ao acesso e circulação, e “não de não utilização dos meios de coerção próprios e legítimos do movimento paredista”.

Mesmo com o pagamento efetuado na segunda (08), os motoristas decidiram manter a paralisação, condicionando o término do movimento ao atendimento de outras reivindicações, como o pagamento do Programa de Participação nos Resultados (PPR), reposição salarial e horas extras.

Fonte: ANTP/Diário do transporte

Compartilhe nas redes sociais

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here