Os operadores do Porto de Paranaguá projetam exportar 6,082 milhões de toneladas de granéis sólidos no primeiro trimestre de 2021. Dessa forma, a previsão

Para aumentar a rotatividade de embarcações e, consequentemente, a produtividade, a empresa Portos do Paraná pretende aproveitar os investimentos e duplicar a capacidade de carga no corredor de exportação do Porto de Paranaguá.

Os investimentos fazem parte de projeto de modernização para explorar toda a produtividade do complexo de exportação de soja, milho e farelo. A capacidade terá um aumento de 100%, com a mudança no conceito do projeto.

Inicialmente, era previsto uma ampliação de 33%. No entanto, a novidade foi comunicada nesta segunda-feira (28) pelo diretor-presidente da Portos do Paraná, Luiz Fernando Garcia, durante reunião mensal entre a empresa pública e os representantes da Associação dos Terminais do Corredor de Exportação de Paranaguá (Atexp).

“O porto sai na frente porque a gente não está olhando o agora, nem daqui cinco ou dez anos. Estamos olhando para os próximos cinquenta anos, onde, sem dúvida, a gente consegue incrementar e dar essa tranquilidade operacional para aqueles interessados em repotenciar seus ativos”, diz Garcia.

Ainda de acordo com o diretor-presidente a capacidade produtiva atual em cada berço de atracação do Corredor é de carregar de até 3 mil toneladas por hora de granel, distribuídas em dois equipamentos existentes em cada berço. A princípio, o projeto estimava elevar essa produtividade para 4 mil toneladas/hora.

Porém, destaca Garcia, planejando mais a longo prazo, considerando a potência dos shiploaders (equipamentos carregadores) e a demanda de mercado, será possível investir já neste projeto para chegar ao volume de até 18 mil toneladas por hora, ou seja, 6 mil toneladas/hora em cada berço de atracação.

“Faremos isso tudo com os terminais. Nada que a gente faça será feito de forma isolada. A transparência, a divisão de opiniões e a busca de um consenso, sem dúvida, é o melhor caminho”, garante o Garcia.

Compartilhe nas redes sociais

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here