Nesta quarta e quinta, 21 e 22, será realizada na Rodovia dos Lagos (RJ-124) uma campanha de vacinação contra o sarampo. Dessa forma, a

A campanha de vacinação contra a gripe chegou de vez nas estradas essa semana. Dessa forma, milhares de caminhoneiros devem ser vacinados por todo o país. Isso acontece porque nessa segunda fase da campanha, esses profissionais compõem o grupo prioritário juntamente com os doentes crônicos e profissionais das forças de segurança e salvamento.

Ainda mais, fique por dentro das notícias através das nossas redes sociais: Instagram e Twitter 

A vacina protege contra três tipos de vírus: Influenza A (H1N1), Influenza B e Influenza A (H3N2). Não podem tomar a vacina: pessoas com doença febril aguda; com doença neurológica em atividade; ou pessoas com histórico de alergia grave a componentes do ovo ou à neomicina.

LEIA MAIS: Acompanhe o impacto da pandemia de coronavírus no transporte rodoviário de cargas e passageiros

A programação e os locais de aplicação variam de cada estado. No entanto, o foco é que todo o Brasil realize campanhas essa semana visando preservar a saúde da categoria, classificada como serviço essencial em meio a pandemia do novo coronavírus.

No Paraná, por exemplo, durante toda semana unidades operacionais da Polícia Federal aplicam a dose. Já em Manaus, a Secretaria de Saúde montou postos na AM-010 e na BR-174.

Os caminhoneiros podem comprovar a atividade com carteira de trabalho, contracheque, carteira de habilitação C ou E ou crachá funcional, além do documento de identificação.

Motoristas e cobradores de ônibus de Curitiba também estão contemplados. Eles devem comparecer em um dos 21 pontos externos de vacinação e levar carteira de trabalho, contracheque e documento de identidade ou crachá funcional.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here