De acordo com levantamento da Polícia Federal houve uma queda de 35% nas mortes no trânsito nas rodovias federais no primeiro semestre de 2020,

De acordo com levantamento da Polícia Federal houve uma queda de 35% nas mortes no trânsito nas rodovias federais no primeiro semestre de 2020, na comparação com o mesmo período do ano passado. Os dados correspondem às estradas de responsabilidade da Polícia Rodoviária Federal do Rio Grande do Sul. Assim, foram 151 mortes registradas no ano passado, contra 98 neste ano.

Ainda mais, fique por dentro das notícias através das nossas redes sociais: Instagram e Twitter 

O número era esperado pela PRF em função da queda no fluxo de veículos devido à pandemia. Segundo o superintendente executivo da Polícia Rodoviária Federal, Leandro Wahholz, a queda nos óbitos ocorreu em virtude do movimento menor.

— Toda queda é positiva. É sinal de que vidas não foram perdidas. Não podemos deixar de levar em consideração que a pandemia contribuiu neste sentido —  disse Leandro Wahholz, superintendente executivo da Polícia Rodoviária Federal.

LEIA MAIS: Acompanhe o impacto da pandemia de coronavírus no transporte rodoviário de cargas e passageiros

Outros indicadores, como o total de acidentes atendidos, também teve queda, de 13,9%. O total de multas aplicadas pela PRF teve redução de 21,5%, mas o dado sobre pessoas alcoolizadas dirigindo teve leve aumento, de 0,3%. Foram registrados 1.965 casos no primeiro semestre de 2019 e 1.971 em 2020.

— O fato de ter menos gente facilita a visualização. Ao invés de ter 10 veículos circulando, ele vai ter que se concentrar em seis ou sete. O intuito não é abordar a esmo, e sim indicar quem está cometendo alguma irregularidade —complementou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here