A BYD será a fornecedora dos 12 ônibus articulados 100% elétricos que vão circular no corredor do projeto da Linha Verde, o principal projeto

A BYD será a fornecedora dos 12 ônibus articulados 100% elétricos que vão circular no corredor do projeto da Linha Verde, o principal projeto de mobilidade urbana da cidade de São José dos Campos, em São Paulo. Dessa forma, a assinatura do contrato entre a prefeitura de São José dos Campos e a BYD foi realizada nesta quarta-feira, dia 29 de abril, no Paço Municipal.

As obras tem praxo de execução de 18 meses, e essa primeira etapa terá 14,5 quilômetros. Assim,  interligando as regiões sul e leste – as mais populosas da cidade – bem como a região central.

Ainda mais, fique por dentro das notícias através das nossas redes sociais: Instagram e Twitter 

Sustentabilidade no tranporte

Os 12 ônibus articulados, de 22 metros, serão fabricados pela BYD em sua planta em Campinas, que já produz os chassis 100% elétricos comercializados no País.  De acordo com o Diretor da divisão de ônibus da BYD Brasil, Marcello Schneider, é muito importante o uso de novas energias.

“É muito importante que as prefeituras compreendam a importância e a necessidade real de fazer substituição das frotas por veículos não poluentes. Dessa forma, investir em mobilidade verde não só melhora a qualidade do ar nas cidades, bem como impacta diretamente na saúde da população”.

Além disso, estiveram presentes na assinatura do contrato, o Presidente da BYD Brasil, Tyler Li, e outros importantes executivos da marca.Representando a cidade, estavam o Secretário de Transportes e Mobilidade de São José dos Campos, Paulo Guimarães, e o Prefeito de São José dos Campos, Felicio Ramuth.

LEIA MAIS: Acompanhe o impacto da pandemia de coronavírus no transporte rodoviário de cargas e passageiros

De acordo com a Prefeitura de São José dos Campos, a Linha Verde foi desenvolvida para atender aos modernos conceitos de planejamento urbano. O objetivo é promover o desenvolvimento urbano e econômico, preservando o meio ambiente com um TRM (Transporte Rápido de Massa) inspirado nos modelos mais avançados do mundo. O eixo sustentável terá 75 mil metros quadrados e inclui, além do corredor expresso, quatro praças ao longo do trajeto.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here