De acordo com dados da AT&M Tecnologia, foram registradas R$430 bilhões em movimentação de cargas em todo o país. Dessa forma,

De acordo com dados da AT&M Tecnologia, foram registradas R$430 bilhões em movimentação de cargas em todo o país. Assim, uma queda de 23% em relação a março deste ano e um valor 10% menor que em abril do ano passado. A empresa é líder e detém mais de 90% do mercado de seguros de transporte de cargas, com mais de 26 mil transportadoras e embarcadores.

LEIA MAIS: Acompanhe o impacto da pandemia de coronavírus no transporte rodoviário de cargas e passageiros

Apesar dos números mostrarem uma queda nos valores de movimentação, na comparação anual houve um aumento de  20,7% no volume de documentos averbados (registro de cada movimentação de carga).

De acordo com o sócio fundador da AT&M, Vagner Toledo,  a segunda quinzena de abril, obteve desempenho mais positivo na comparação com a primeira quinzena do mês. “Apesar de termos identificado uma aumento significativo nas vendas com base nos CTes (Conhecimento de Transporte Eletrônico) transportados, o valor médio agregado caiu, tendência já identificada na primeira quinzena de abril.”

Ainda mais, fique por dentro das notícias através das nossas redes sociais: Instagram e Twitter 

Além disso, Toledo ressalta que o crescimento nas vendas pelo e-commerce colabora para explicar o aumento do volume de vendas. No entanto, com queda do valor agregado. Segundo ele, isso indica uma alteração no comportamento do consumidor que passou a comprar bens de menor valor agregado, ou seja, que normalmente compraria de forma presencial, por meio eletrônico.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here