O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, declarou na última quinta-feira (8) que o governo pretende praticamente dobrar o percentual de cargas transportadas por trens nos próximos oito anos. “Com o que nós planejamos, a gente tira a participação do modo de transporte ferroviário de 15% para 29% em oito anos”, afirmou durante a palestra.

De acordo com o ministro, estão sendo buscadas soluções criativas para contornar a falta de recursos e tirar projetos do papel. “Nós vamos fazer ativos sem depender de orçamento”, destacou.

Como exemplo, Freitas disse que parte da Ferrovia de Integração do Centro-Oeste, que deverá escoar a produção de grãos da região, deverá ser construída pela mineradora Vale como contrapartida pela renovação do contrato de concessão da Estrada de Ferro Vitória-Minas.

“Aquelas outorga que você ia pagar para o Tesouro, você vai construir uma ferrovia, vai me entregar o ativo pronto”, enfatizou Freitas sobre o acordo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here