No próximo dia 16, segunda, será comemorado o dia nacional do caminhoneiro. Por isso, a Dunlop preparou um especial sobre como preservar o pneu de carga.

No próximo dia 16, segunda, será comemorado o dia nacional do caminhoneiro. Por isso, a Dunlop preparou um especial sobre como preservar o pneu de carga. A Dunlop e a Falken são marcar pertencentes a Sumitomo Rubber do Brasil, e recentemente iniciou a produção de pneus para caminhões e ônibus na fábrica em Fazenda Rio Grande, no Paraná.

Confira todas as dicas da Dunlop para conseguir o menor CPK (Custo por km) do seu pneu:
  1. Conheça o seu pneu – A escolha certa deve levar em conta o tipo de aplicação do pneu no dia a dia, qual tipo de pavimento circulará. Além disso, o índice de carga e o simbolo de velocidade devem ser levados em conta.

2. Cuidado com a montagem dos pneus – Deve-se evitar o uso de cunhas ou picaretas para descolar os talões dos pneus, pois pode provocar danos na área dos talões causando o sucateamento do pneu.

  1. Faça a Calibragem A pressão de ar correta é um item extremamente importante para o bom desempenho do pneu e para a sua segurança. Deve ser verificada e ajustada regularmente, e sempre com os pneus frios. Vale ressaltar, que os pneus devem ser inflados de acordo com a carga transportada e a velocidade de utilização.
  2. Atenção na combinação de pneus duplos– Para que os pneus rodem com o máximo de eficiência, deve-seo bservar as performances também em eixos de tração ou livres. Os duplos devem ter as mesmas características:
    • Tipo de construção;
    • Dimensões;
    • Marcas;
    • Larguras e Diâmetros iguais;
    • Desenhos iguais;
    • Profundidades de sulcos iguais.

Duplos mal combinados proporcionarão desgaste irregular do pneu de maior diâmetro. Consequentemente, diminuindo sua performance quilométrica e consequentemente sua vida útil.

  1. Faça o rodízio regularmente– Rodízio é a mudança periódica de posição dos pneus no veículo, para compensar a diferença de desgaste em função de vários fatores, como:

O rodízio é indicado para todos os pneus dos veículos e deve ser realizado de forma periódica e preventiva. Com isso, é possível extrair o máximo de desempenho dos pneus e do veículo.

  1. Alinhamento– Tem o objetivo de fazer com que as rodas rodem sem arrasto, o que proporciona desgaste mais uniforme dos pneus, redução do consumo de combustível e evita a deterioração dos componentes da suspensão. Além disso, diminui os esforços que incidem sobre o sistema de direção, o que facilita a dirigibilidade do veículo.
  2. Balanceamento– Balanceamento é o equilíbrio de massas do conjunto pneu e roda. Este equilíbrio é necessário para:
  • Reduzir ou eliminar as vibrações e trepidações geradas;
  • Melhorar o conforto do operador;
  • Aumentar a vida dos componentes mecânicos do veículo.

Deve-se realizar o balanceamento de forma preventiva e periódica.

  1. Fique atento às condições mecânicas– A suspensão é responsável por absorver os impactos do solo e garante a estabilidade do caminhão, contribuindo para um desempenho seguro no trânsito e maior conforto aos caminhoneiros na direção.

Recomenda-se revisões preventivas periódicas de todos os componentes da suspensão do veículo a fim de garantir o bom funcionamento do sistema.

As más condições dos itens de suspensão causam desgastes irregulares e prematuros nos pneus, aumentam o consumo de combustível e diminuem a estabilidade do veículo, comprometendo a dirigibilidade e sua segurança.

  1. Retirada do pneu para reformas– Os pneus devem ser retirados para reforma antes que a profundidade de sulco da banda de rodagem chegue em 1,6mm no ponto mais liso.

Mas, normalmente cada frota ou caminhoneiro utiliza seu próprio critério, levando em consideração seu tipo de trabalho e experiências históricas.

Esse fator de retirada do pneu para reforma com a profundidade de sulco adequada para o tipo de serviço, reflete na preservação da carcaça e, consequentemente, contribui para o aumento da vida útil e menor custo por km rodado.

  1. Condução Segura e Econômica– Os hábitos e estilos de condução são determinantes para a segurança e economia dos motoristas, sendo assim devemos nos atentar a algumas dicas, tais como:
  • Agir e conduzir o veículo com total responsabilidade, obedecendo as leis de trânsito, garantindo a própria segurança, a de terceiros e da carga;
  • Praticar a condução com “Previsão”, ou seja, aquela que o motorista está sempre atento no que poderá ocorrer a sua volta;
  • Trafegar com o veículo sempre engrenado;
  • Realizar manutenção periódica e preventiva nos sistemas de freios, suspensão, elétrico e arrefecimento.

De acordo com Rodrigo Alonso, Gerente Sênior de Vendas e Marketing da Dunlop no Brasil, a empresa está investindo por acreditar no potencial do país. “A Dunlop vê no segmento de carga do Brasil um grande potencial e por isso vem investindo maciçamente em tecnologia para entregar os melhores pneus ao setor. Investindo em nossa rede de distribuidores oficiais e abertura de novos Truck Centers pelo Brasil, a Dunlop oferece locais de apoio e serviços de qualidade ao caminhoneiro. Estamos juntos aos caminhoneiros nas estradas e queremos manter essa relação sólida e constante”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here