O engenheiro Davi Ferreira Barreto foi indicado pela comissão de Infraestrutura do Senado para assumir a diretoria da ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres). A indicação ocorreu nesta última terça-feira (28), foi aprovada por unanimidade, e deve ser analisada pelo plenário do Senado.

E março de 2019,  o presidente Jair Bolsonaro indicou o engenheiro para o cargo. Cabe à Presidência da República encaminhar os nomes para cargos de diretorias das agências reguladoras para análise dos senadores. A nomeação só é feita após aval do Congresso.

Caso o plenário do Senado aprove a candidatura, Barreto pode chegar à direção-geral da agência reguladora. O cargo é ocupado por Mário Rodrigues desde fevereiro, mas não há definição se ele seguirá na cadeira ou se haverá 1 decreto presidencial para nomear o novo indicado.

Em seu discurso de apresentação, Barreto disse que destravar investimentos em infraestrutura no Brasil é uma pauta urgente. ” Em qualquer ranking internacional a nossa infraestrutura deixa a desejar, estamos atrás de outros emergentes e vizinhos da América Latina.”

Atualmente, o Brasil tem cerca de 1,7 milhão de quilômetros de rodovias, dos quais apenas 12% são pavimentadas. A malha, na avaliação do indicado, ainda é modesta em comparação com outros países com território semelhantes ao Brasil.

“Nossa densidade da malha rodoviária pavimentada é metade da russa, a chinesa é 13 vezes maior e a americana 17 vezes maior. Ou seja, ainda há muito investimento há ser feito e tudo indica que isso será majoritariamente da iniciativa privada”, disse.

Além disso, ele afirmou que a agência reguladora deverá atuar fortemente no acompanhamento dos contratos de concessão rodoviária dos projetos previstos na carteira do PPI (Programa de Parcerias de Investimentos). Barreto defendeu que haja mecanismos mais efetivos de fiscalização e aplicação de penalidades.

Fonte: Poder 360.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here