A BR Distribuidora iniciará na próxima segunda-feira (20) testes com o “Cartão do Caminhoneiro Petrobras”. O objetivo do programa é dar garantia de estabilidade de preços do diesel aos motoristas, principalmente os autônomos.

O cartão também será disponibilizado aos transportadores e embarcadores. Ele funcionará como um pré-pago na compra de diesel, em postos com a bandeira Petrobras, nos principais corredores rodoviários do país.

De acordo com a BR, distribuidora de combustíveis controlada pela Petrobras, em declaração realizada nesta quinta-feira (16), o novo produto também vai gerar valor para a companhia.

O anuncio do cartão foi realizado em meio a crise da categoria, em março, como forma de aliviar os problemas do setor. Através do sistema, o caminhoneiro poderá transferir valores para o seu cartão e convertê-lo em litros de óleo diesel por até 30 dias. Dessa forma, ficará protegido contra eventuais altas no preço.

Se o caminhoneiro encontrar o preço do diesel mais baixo no período de 30 dias, o crédito em diesel também pode ser revertido a qualquer tempo para reais, descontando-se, contudo, uma taxa cujo valor será previamente informado para os usuários.

Porém, alguns se questionam se os caminhoneiros autônomos vão ter recursos para abastecer seus cartões para suas viagens.

“Entendemos que existe uma oportunidade de mercado e conseguimos desenvolver uma solução segura e viável economicamente. É um produto que gera valor para a BR, nossos revendedores e caminhoneiros”, afirmou em nota o diretor executivo de Rede de Postos e Varejo da BR, Marcelo Bragança.

Pré-cadastramento

De acordo com a BR, já está liberado o pré-cadastramento pelo site cartaodocaminhoneiro.com.br. Em seguida do lançamento definitivo, o cadastro poderá ser feito via aplicativo, call center ou presencialmente, em locais a serem divulgados.

O cartão será disponibilizado em alguns postos Petrobras e Rede Siga Bem nos estados do Paraná, São Paulo e Rio de Janeiro.

“Tão logo seja concluída a fase de testes de forma positiva, a BR irá lançar o produto em larga escala”, informou a BR.

Fonte: G1.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here