A Honda inaugurou, nesta quarta-feira (27), sua segunda fábrica no Brasil. A nova unidade, que estava pronta desde 2016, fica na cidade de Itipirana, no interior de São Paulo. A ideia inicial era iniciar as operações ainda em 2016, mas por conta da crise econômica que cortou as vendas da montadora pela metade naquele ano, a fabricante decidiu por adiar a inauguração.

Apesar da unidade de Sumaré, também em São Paulo, ter produzido 138 mil carros em 2018, acima da capacidade de 120 mil veículos, a Honda, através de seu presidente na América do Sul, Issao Mizoguchi, afirmou que a decisão de abrir a nova unidade não tem a ver com aumento de produção, e sim com redução de custos, já que a fábrica recém inaugurada possui uma linha de produção mais moderna e eficiente.

Não houve melhoria significativa do mercado que justifique o aumento da produção, mas como o segmento e cada vez mais competitivo, aqui temos melhores equipamentos e eficiência para buscarmos redução de custos”, afirmou o presidente.

A nova unidade, que contou com investimento de R$ 1 bilhão em 2016, não deve receber novos modelos, de acordo com o planejamento inicial a fábrica deve receber gradualmente a produção de automóveis que acontece em Sumaré. Enquanto a fabricação de motores e ferramentas, o centro de pesquisa e sede administrativa continuarão na fábrica mais antiga.

Leia também: Hyundai anuncia investimento de R$125 milhões em fábrica

Nova fábrica não oferece vagas para cidade e investimentos ficam em segundo plano

Por enquanto, a fábrica de Itirapina está operando com 450 funcionários, todos transferidos da unidade de Sumaré. A previsão para os próximos dois anos é que sejam transferidos 2 mil funcionários, estratégia para evitar cortes em Sumaré. A decisão frustrou moradores de Itirapina, que já haviam feito cursos profissionalizantes e até passaram por entrevistas, enquanto aguardavam ser convocados após a inauguração.

Honda Fit já está sendo fabricado em Itirapina, com produção de 90 unidades ao dia. Demais modelos, chegarão gradualmente até 2021

O prefeito de Itirapina, José Maria Cândido (MDB), diz que apesar das transferências de funcionários na linha de produção, a montadora contratou terceirizados para as áreas de limpeza, restaurantes e conservação. “Ocorreram por volta de 200 contratações até agora”, afirmou o prefeito.

Também presente no evento de inauguração, o governador João Dória (PSDB), que lançou recentemente o programa IncentivaAuto, afirmou que a Honda pode usufruir do incentivo de redução de ICMS para investimentos futuros.

“O setor pode crescer e a Honda dobrar o seu investimento e ter acesso ao programa”, disse o governador.

No entanto, ao ser questionado sobre o assunto, Mizoguchi respondeu: “Antes de pensar em investir mais, temos primeiro que recuperar o R$ 1 bilhão enterrado aqui”.

Relembre aqui: São Paulo dará desconto gradual de ICMS para montadoras

Fonte: Estado de S. Paulo

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here